Você conhece a Ecoendoscopia?

Atualizado: 23 de Out de 2019



A endoscopia tradicional ainda é o exame inicial para o "screening" (investigação) do câncer do esôfago, estômago e cólon. Já a Ecoendoscopia é a junção de endoscopia e ecografia, permitindo a obtenção de imagens da parede do tubo digestivo. Ela funciona na prática com um ultrassom feito dentro do estômago para visualização dos órgãos ao seu redor.


Nos tempos atuais, a Ecoendoscopia é um exame indispensável assim que feito o diagnóstico em alguns casos de câncer e, imprescindível no câncer do pâncreas e alguns outros do aparelho digestivo.


A Ecoendoscopia é considerada o melhor procedimento para diagnóstico do câncer do pâncreas, devido a possibilidade de fazer biopsias guiadas po ultrasom, realizadas ambulatorialmente, na própria clínica. Não se deve fazer nenhum exame terapêutico do endoscópico antes de uma biopsia por Ecoendoscopia. Nenhum Hospital do primeiro mundo faz qualquer procedimento no pâncreas (cirurgia, radioterapia, quimioterapia ou outro exame endoscopido terapeutico) antes de realizar um biopsia por Ecoendoscopia.


Mas vale ressaltar que não basta somente fazer o diagnóstico. O paciente tem que ser assistido por uma equipe multidisciplinar onde o principal médico, o cirurgião ou o oncologista, deve estar atualizado com o que existe de melhor no diagnóstico e tratamento do câncer do aparelho digestivo. O bom cirurgião e o bom oncologista sabe quando indicar uma Ecoendoscopia para poder fornecer o melhor ao paciente.


#ecoendoscopia #iad

©  2019 - Todos os direitos reservados ao Instituto do Aparelho Digestivo.

Rua Alagoas, 700 - Campo Grande, MS - 79020-120

Tel: 067-3320-9500

  • Facebook
  • Instagram